28 de dezembro de 2021 às 11:58

2022 ... O ANO DO RE.

O ano de 2022 se apresentará como o ano do RE; recomeçar, reestruturar, repensar, refazer, reaprender, restabelecer, reconstruir, realinhar, repaginar, recompor, e centenas de outros "re’s" que a vida possa nos oferecer.

Crédito:http://www.bing.com/images

Eu tenho muito orgulho de pertencer a uma geração que não passou pela vida sem desafios, mudanças, aprendizados e sem umas palmadas. Deve ser muito triste e monótona a existência de uma criatura que não conhece o comemorar de cada degrau avançado. A "Princesinha da Cracolândia" é um clássico de como um ser pode desrespeitar a vida quando tudo vem fácil.     

Em tempos de Youtubers, Realitys, MCs e outras famas repentinas, com ganhos de milhões em pouco tempo e com zero esforço, notamos o desperdício, o descaso e a insanidade coletiva destes seres. Um dia destes, me chamou a atenção, em plena crise que estamos vivendo, uma festa de três dias, realizada por uma anônima famosa, que orgulhosamente alega ter gasto três milhões de reais, isso é no mínimo bizarro, só consigo justificar tal atitude, replicando o bordão populesco: um tapa na cara da sociedade. 

Sabido é que muitos dirão: "o dinheiro é dela, ela faz o que quiser" Concordo! Só não precisa esfregar na cara de quem passa fome, alem de desumano é irracional. Bom, pedir racionabilidade para estas pessoas é perca de tempo.  

A única certeza é que daqui dez anos, programas de assistencialismo e  sensacionalistas, que mostram o antes e o depois de milionários repentinos, terão pautas diárias para tratar da situação destas pessoas, pois como diz um grande amigo, "o dinheiro não aceita desaforo".

Quero encerrar o ano de 2021 registrando que aprendi muito com a morte do desconhecido (para eu) o MC Kevin. Aprendi que família e amigos podem até se aproveitar e lucrar com sua morte, que eu devo ouvir mais musica de péssima qualidade, ler mais posts de fofocas e assistir TV aberta, assim quando eu estiver nas convenções sociais e mencionarem Marília, Rico, Deolane, Carol com ou sem K, eu não fique me perguntando, quem?  


Fonte: CLIENT

comentários

Estúdio Ao Vivo